Cuidado, artistas da fé na área!

“Mas houve também entre o povo falsos profetas, como entre vós haverá falsos mestres, os quais introduzirão encobertamente heresias destruidoras, negando até o Senhor que os resgatou, trazendo sobre si mesmos repentina destruição. E muitos seguirão as suas dissoluções, e por causa deles será blasfemado o caminho da verdade; também, movidos pela ganância, e com palavras fingidas, eles farão de vós negócio; a condenação dos quais já de largo tempo não tarda e a sua destruição não dormita.” 2 Ped 2.1-3


Que peso contém essa Palavra! parece até ser o lado rude de Deus. Acontece que quando se trata de vidas, do cuidado que se deve ter a pessoas, no que tange ao pastoreio delas, Deus é taxativo punidor a homens que roubam a fé, massacram vidas, furtando toda a esperança na boa causa do Evangelho.

A presente carta de Pedro, foi uma angunstiante luta contra os falsos profetas que infiltravam-se em meio ao povo, na dissimulação mais terrível, com doutrinas gnósticas entúsiasticas, destruindo a fé.


Pedro fala de heresias destruidoras. Ora, se é destruição que eles ensinam, logo destruição repentina terão. O perigo de tudo: Muitos seguem esses ensinos. Existem pessoas que gostam de serem enganadas, preferem um lobinho bem trajado com todas as artimanhas de ensinos mórbidos. Preferem um que faz todas as possíveis aparições angelicais se tornarem tão ávidas. É preferível um “soprar”, ou quem sabe um “shofá”, é mais gostoso ouvir uma numerologia de bençãos, é mais gratificante fazer uma sequência de campanhas, é mais “espiritual’ ficar caindo com toda e qualquer palavra determinante, e a lista segue, não prosseguirei pois ficará enfadonho…

Parece duro, mas a sentença para os tais é “repentina destruição”. Porém muito mais dureza é ter que comer tais absurdos de ensinos que negam o Soberano Senhor!

E todos esses artistas da fé estão no primeiro lugar do IBOPE gospel, sem nenhuma consideração pelas pessoas. Afinal a grana rola à solta…vale tudo nesse negócio de fé, pois o que vale não é pregar o que é certo, mas sim o que dar certo, não importa a sã Palavra.

O apóstolo fala da ganância que fazem do negócio de fé se tornar o mais lucrativos de todos os negócios: A sutileza é essa: Você tem que usar a fé, aplica teu dinheiro e você terá isto. Se não acontecer, o problema foi seu porque não teve fé suficiente! Que idiotice gananciosa. Mas essa é mensagem dos dias atuais, ou melhor sempre existiu…

Mas a dissimulação é marca registrada dos tais…a cena teatral da fé está “open ” para todos os públicos…

Cuidado!
Com amor,
Mário Celso


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: