Língua Mortífera

Uma flecha mortífera é a língua deles; fala engano; com a sua boca fala cada um de paz com o seu próximo mas no seu coração arma-lhe ciladas. (Jeremias)

A capacidade de dissimulação de um coração que se encobre de engano, mentira e toda sorte de males é a marca da geração atual.É só observar o mediatismo enfurecido em todos os lados. Os melhores filmes, os melhores dramas, o melhor ator ou quem quer que no mediato se posicionar, se não existir os artifícios da maldade camuflada de um bondadismo(pretexto da bondade ao serviço do mal) já não comprometerá tantos expectadores coniventes desse mal.

A língua(fala) no que se concerne a produção vinda do coração que se arma como um arco para prejudicar o próximo, é talvez pior do que um morticínio. O engano é o veneno dessa áspide oral. A exclamação de Jeremias no contexto de intensas mentiras, falsas expectações geradas por essa flecha mortífera é de fato espantosa…Tal coisa se repete em nosso meio. Expressões de uma paz ao próximo num tom poético e até romântico crescerá muito nesses últimos dias de trevas, donde os incautos corações apaixonam-se por tais falácias tão “firmes”.

No entanto a CILADA é o bote esperado…Nessa peçonha muitos se afligirão e morte na certa!

Portanto muito cuidado com a Astuta Cilada do Poder Humano! E de muitas potestades que se estabelecerão…

Nesses dias tão difíceis de sobreviver é hora de atentarmos com mais intensidade à Palavra Viva…Cristo, A Verdade.

Com Amor,

Mário Celso

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: